Quem escreve?

Minha foto
Rio, RJ, Brazil
Moribundo SUBurbano. Estereotipado: bandido, maconheiro e marginal. Escritor, poeta e, portanto, miserável.

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

De que adianta pensar no passado
Em fardo pesado na perna esquerda
A desnivelar o corpo mal amado?

Não passo a dez passos do teu sorriso
Sarcástico a ferir-me tão devagar
Da pior forma, do chão para o alto!

Deixando-me em fúria a precisar
Dos afagos dos amigos assim como
Eu, coléricos e tão solitários.

(Ngamba Botero)